Mulher com Cabelo Cacheado

O tipo de cabelo é importantíssimo na hora de se definir um corte adequado.

Para cabelo liso

Para esse tipo de cabelo, recomenda-se repicar de leve, dando mais movimento aos fios. Esse repicado pode ser ao redor da cabeça, geralmente na altura das maçãs do rosto. No entanto, se houve volume na raiz, opte por camadas que iniciem na altura do queixo. Outro detalhe que não aumenta o volume e confere movimento ao cabelo são as camadas longas. O uso de pomada nas pontas é excelente!

Para cabelos ondulados

Interessante apostar em uma franja jogada lateralmente, para suavizar a expressão e o peso do comprimento do cabelo. As pontas também podem ser desfiadas, além de aderir às leves camadas. Cortes irregulares e desfiados distribuem melhor o volume e valorizam as ondas. O comprimento, de preferência, deve ser de médio a longo.

Para cabelos cacheados

O corte em camadas é ideal para esse tipo de cabelo, pois distribui o volume uniformemente por toda a cabeça. Não deixe os cortes muito retos, pois isso desvaloriza a definição e a beleza dos cachos. A aparência também pode ficar mais suave com os fios mais curtos na frente e nas laterais, mantendo o comprimento na parte de trás. Para fios mais soltos, repique as pontas. Aposte também no babyliss e em um bom ativador de cachos.

Para cabelos crespos

Apesar de ter uma estrutura difícil de lidar, os cabelos crespos, quando bem cuidados e cortados, causam inveja por onde passam. A hidratação vem em primeiro lugar; em segundo, um corte ideal. Estilo black power, fios compridos e repicados nas pontas...enfim, o formato ideal depende do tamanho das madeixas.

Se forem longas e com cachos, é importante, para não adquirir volume e não deixar o corte reto, decidir por uma repicada nas pontas. Dessa maneira, o cabelo não armará tanto e o cacho ficará mais definido. Já os cabelos médios requerem cortes delicados e mais repicados, podendo-se brincar com o volume. Além de dar um estilo mais moderno, esse corte elimina o efeito “abajour” dos cabelos, ficando mais arredondado. Já as versões mais curtas são indicadas para mulheres que desejam bastante volume.

O corte em si vai depender da avaliação dos cachos e do rosto da mulher. Em relação às franjas, deve-se evitar cortá-las muito curtas e, no máximo, na altura do queixo. Essa medida evitará que a mulher se transforme em uma escrava da escova e da chapinha para manter o cabelo disciplinado.